sexta-feira, 2 de março de 2012

Treze de Novembro de Dois Mil e Onze

Aline,
Eu me lembro de quando tu me disse que planejava em fazer uma festa... me lembro também de quando você disse que iria fazer a tal festa, nesse tempo ainda ta longe, mais você me contava algumas coisas que já seriam indispensáveis.
Quando não faltava mais aquela eternidade, você já começou a planejar tudo, desde as dançarinas até as velas, me lembro também que muitas pessoas julgaram muito mesmo antes de saberem sobre algo, mais isso não te desanimou, você continuou com a cabeça erguida.
Eu me lembro de quando você me disse que queria desistir, pois muitas coisas te deixavam pra baixo, mais graças a Deus você continuou como sempre, como um arranha-céu não é ? =]
E quanto a primeiro prova do vestido, depois de procurar em vários lugares nós encontramos uma tia super simpática né ? kkkkkkkkkkkkkkkkkk
Com toda sua grosseria, ela pelos menos entregou todos os vestidos, deixando até o tio João nervoso *-*
Convites, ensaios, flores, salão, buffet, vestidos ... foi uma dor de cabeça muito grande pra você, eu sei

Enfim, em meio a tantos momentos, risadas infinitas, lágrimas, quedas e provas, chegou o bendito dia *u*
Foi um dia corrido, para cada uma dançarina, que enfrentou muitas coisas para estarem lá, com você, passaram por cima de problemas, doenças e negações, mais estavam lá, lindas, loiras e com o olho vermelho, 

Oque eu quero te dizer ninis, é que com todos os problemas que surgiram, não nos desanimou, não nos enfraqueceu, pelo contrário, cada palavra que tu disse pra cada uma de nós, fez com que valesse a pena, e com toda a certeza do mundo, todas enfrentariam as mesmas coisas novamente, por você.  

pic.twitter.com/d2Kvm0RB

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

nostalgia

And soon as you reach a better place
Still I'd give the world to see your face
And I'm right here next to you
But it's like you're gone too soon
Now the hardest thing to do is say bye bye
I thought you were so strong
You'd make it through whatever
It's so hard to accept the fact you're gone forever
 ♪
                                                                                                                                  I miss you daddy ...

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

I miss you

Como acreditar que você se foi ? 
Não, eu nunca vou acreditar nisso, poxa, uma pessoa que fazia (doí falar no passado) do meu dia-a-dia, que brincava comigo...
Augusto, meu neguinho, meu Deus, tão jovem, uma pessoa tão boa, como é dolorido pensar que você não está mais aqui meu... Como vai ser chegar na sala e não ver você lá, sentado do meu lado. Ou na esquina esperando o portão abrir com os outros meninos né ?
Porque isso teve de acontecer ? eu não me conformo, não era para você estar lá poxa. 
A última vez que eu te vi, você sorriu para mim, como se sua vida fosse se estender por anos, como eu queria que isso acontecesse... E depois saber que você não está mais aqui... E de uma forma tão triste...
Eu não acredito nisto, não acredito.




Meu Deus, cuida do meu gustavo, por favor, eu confio em vós.